Acabou de perder um grande amor? E agora?

À medida que nossos pensamentos nos ajudam, provocam sentimentos que também vão nos guiar para comportamentos mais assertivos   Quem nunca sofreu a dor da perda de um amor que atire a primeira pedra! Mesmo que você seja a pessoa mais forte emocionalmente do mundo, diante de um rompimento “inesperado”, há muito choro e dor. …

Continue lendo Acabou de perder um grande amor? E agora?

Você possui habilidades para se relacionar?

O que é preciso ter para ter um relacionamento amoroso? Listamos 8 habilidades   A maioria das pessoas almeja estar num relacionamento. Estudos mostram que estar num relacionamento amoroso saudável melhora o nível de satisfação com a vida e traz sentimentos de bem-estar. Mas, o que será que é preciso ter... para ter um relacionamento …

Continue lendo Você possui habilidades para se relacionar?

WhatsApp, Telegram e Instagram prejudicam os relacionamentos?

Redes sociais carregam o poder que dermos a elas Os aplicativos de conversação e redes sociais tais como WhatsApp, Instagram e Telegram têm sido vistos ultimamente como os grandes vilões dos relacionamentos, tanto para os longos quanto para os curtos, pois é através destes canais de comunicação que podem acontecer conversas de cunho afetivo com uma terceira pessoa, quarta ou …

Continue lendo WhatsApp, Telegram e Instagram prejudicam os relacionamentos?

Dedicar-se muito ao outro não é só empatia: quando isso se torna nocivo

Matéria com minha assessoria. Você está sendo empático ou apenas se autossacrificando? "Autossacrifício parte daqueles que frequente assumem ou cumprem desejos alheios com base na negação consciente ou inconsciente das próprias necessidades, sem terem isso de volta. São pessoas que se colocam à disposição do outro de tal maneira a acabar se prejudicando, já que …

Continue lendo Dedicar-se muito ao outro não é só empatia: quando isso se torna nocivo

Abzurdah – Dica de filme

D.R. - Discutindo a relação com os DRs. Andrea e Andreas

O filme “Abzurdah” nos conta a história de uma jovem com problemas emocionais, dependência emocional (quiça um amor patológico) e transtornos alimentares.

Vale a pena assistir!

Cielo, uma adolescente de 14 anos, gasta muito tempo em salas de bate papo virtuais. Certo dia, o grupo virtual resolve se encontrar numa pizzaria e Cielo conhece Alejo. “Novos encontros aconteceram e Alejo e Cielo começaram a namorar. Ele mora em Avellaneda, trabalha e é uns 10 anos mais velho que ela, o qual não parecia muito impedimento. Mas ao longo dos dias e semanas a relação com Alejo começou a ser um problema e após várias desculpas para não se encontrar, finalmente, terminou o relacionamento. Cielo ficou desestabilizada e começou a não querer comer, ou, pior ainda, ter nojo da comida. Infelizmente descobriu que Alejo tinha um outro relacionamento ao mesmo tempo que com ela.  Seu problema com a comida continuou a piorar. A fim de estudar…

Ver o post original 19 mais palavras